sabor da cidade
sabor da cidade

RECEITAS
bolos
doces
salgados
lanches
molhos
churrasco
saladas
vegetarianas
peixes
sorvete
bebidas
minha receita
Colunas


FOTO

Coluna "Zé Pimenta"
Um passeio pelos restaurantes, bares, lanchonetes e fast-foods revelam muitas coisas certas e erradas (José Francisco Alecrim Pimenta, o Zé Pimenta, escreve quinzenalmente para o Sabor da Cidade.
    


Sanitário exige muito cuidado

 (21/10/2014)É um disparate observarmos que o comerciante investiu muito dinheiro no visual de um estabelecimento, com decoração requintada, alguns luminosos de néon, quadros diversos espalhados pelos ambientes, mas esquece de alguns pontos fundamentais que podem derrubar a frequência. Um desses pontos é o sanitário oferecido aos clientes.

Se você entra no estabelecimento e gosta da decoração, dos detalhes nas louças, de vasos floridos nos ambientes, não pode se surpreender negativamente ao ter que utilizar o sanitário. E isso acontece em muitos locais que, me parece, deixam de contratar o serviço de uma pessoa para cuidar deste espaço que, sem sombra de dúvida, mostra a cara do estabelecimento. Se o sanitário é assim, imagine a cozinha.

Ninguém quer imaginar que a cozinha e os funcionários de um determinado estabelecimento não seguem as regras naturais de higiene para o preparo dos pratos. Ao cliente cabe apenas apreciar o que ele pediu, sem ter qualquer outra preocupação.

A boa impressão de um local está no conjunto de detalhes. É inconcebível relegar a um segundo ou terceiro plano o espaço dos sanitários. Não é possível, ao proprietário ou gerente dos estabelecimentos, deixar de lado questões de higiene. O bar, lanchonete ou restaurante precisa apresentar sanitários limpos e higienizados aos seus clientes. E isso, se não é, precisa ser regra efetiva.

Os sanitários não podem, também, estar ao lado de depósitos dos estabelecimentos sem que haja a devida divisão de espaços. Higiene não pode ser exigência, é preciso que seja algo natural a se cumprir. Os clientes têm o principal argumento contra o que julgar errado: deixar de ir ao estabelecimento. E tenho dito!

 
OUTROS ARTIGOS DE "Zé Pimenta"

Não às batatas 
Cadê o garçom? 
Sanitário exige muito cuidado 
Pressa ou faltam pratos e copos? 
Lanche só a dinheiro. Não aceitamos cartões. Por quê? 
Intimidade desnecessária 
As desagradáveis mesas molhadas 

 

 
COLUNAS

FOTO
Coisa de CinemaMuitos filmes usam o tema gastronomia
FOTO
Comidinha de vovóReceitas diversas da vovó.
FOTO
Tempero CertoCondimentos que dão mais sabor a cada prato
FOTO
Zé PimentaCríticas e sugestões de gastronomia na cidade
 
SABOR DA CIDADE

Contato
Telefone (15) 9-9113-2823
Email: redacao@sabordacidade.com.br