sabor da cidade

RECEITAS
bolos
doces
salgados
lanches
molhos
churrasco
saladas
vegetarianas
peixes
sorvete
bebidas
minha receita

 
 
NOTÍCIAS


 
  

    HOME>>EDITORIAS>> NOTÍCIAS
Bolo e parabéns
Recife, a Veneza brasileira, faz 478 anos com grande festa
Recife, a Veneza brasileira, faz 478 anos com grande festa
Praia da Boa Viagem, em Recife


11/03/2015  

O bolo gigante será cortado às 19h desta quinta-feira (12/3). A Veneza brasileira, como a cidade de Recife é conhecida, completa 478 anos e uma grande festa vai comemorar a data. Toda a riqueza cultural estará representada numa programação que começa às 17h, na Praça do Arsenal.
Artistas populares, manifestações que receberam o título de Patrimônio Cultural Imaterial (Maracatu de Baque Solto Piaba de Ouro, do Maracatu de Baque Virado Estrela Brilhante e do Cavalo Marinho Boi Matuto do Mestre Salustiano) e um dos filhos mais queridos da capital pernambucana, o cantor Lenine, estarão reunidos para celebrar a data.
A gastronomia na cidade é variada e incorpora heranças europeias, especialmente portuguesas, holandesas, além de indígenas e africanas. Doces como o bolo de rolo, com formato de rocambole e recheio de goiabada, é um dos típicos da cidade, sem contar os frutos das águas e os peixes.
Na Semana Santa, todos os pratos servidos ganham um toque da culinária local e são à base de coco. Já na época do São João (junho), o destaque é o milho. Nos bares da cidade, bem como nas praias é possível degustar caldinhos dos mais diversos, caranguejo, bobó de camarão, sururu, queijo coalho e tantos outros. Para almoçar, há a tradicional buchada de bode ou de carneiro, uma espécie de cozido, além de arrumadinho de charque e carne de sol, chambaril, dobradinha, fava, camarão na moranga, galinha de cabidela, mão de vaca, peixada, camarão, caldeirada, lagosta etc.

Entre os doces, o destaqueé o bolo de rolo, bolo pé-de-moleque, bolo Souza Leão, paçoca, sorvetes de frutas regionais e cocada. Há também cartola, uma das mais tradicionais sobremesas pernambucanas de banana frita coberta com queijo coalho ou manteiga assado e polvilhada com açúcar e canela. Cuscuz, munguzá, tapioca e queijo manteiga são outros de uma infinidade de pratos recifenses.


Cidade é o 6º maior destino turístico do Brasil

Tombada pelo Patrimônio Histórico Cultural da Humanidade, a capital pernambucana atrai turistas brasileiros e estrangeiros interessados na beleza de seu litoral de águas mornas e claras, na riqueza das construções históricas coloniais e, especialmente, nas festas típicas, a maioria delas ao ritmo de frevo e ao som de maracatu.
Ao visitar a capital pernambucana, aproveite para passear pela orla, conhecer igrejas históricas, como Madre de Deus e a Capela Dourada, assistir a espetáculos no tradicional Teatro de Santa Isabel ou no moderno Teatro Luiz Mendonça, no parque Dona Lindu. Também visite os museus do Estado, a Oficina Brennard e o Instituto Ricardo Brennard.
Recife também ganhará um novo cartão postal: um painel multicolorido que retrata a imagem do cantor pernambucano e rei do baião Luiz Gonzaga. Financiada pelo Ministério do Turismo, a obra está sendo feita pelo artista urbano Eduardo Kobra no prédio da prefeitura, no centro da cidade. A obra está prevista para ser entregue no aniversário da cidade. A iniciativa é uma das ações da campanha publicitária #PartiuBrasil, em parceria com a Prefeitura de Recife que cedeu o espaço. O objetivo é valorizar a cultura e criar um novo atrativo turístico na capital pernambucana.
A capital é hoje o sexto destino turístico de viagens mais visitado por brasileiros que desejam conhecer o Brasil, de acordo com uma pesquisa do Ministério do Turismo.
A cidade também recebe turistas estrangeiros, especialmente norte-americanos, argentinos e portugueses, que procuram praias como Porto de Galinhas e Boa Viagem, ou ainda o arquipélago de Fernando de Noronha, um dos lugares mais visitados de Pernambuco.
O verão é o período mais movimentado de Recife, com destaque para o maior bloco carnavalesco do País, o Galo da Madrugada, que chega a reunir 2,5 milhões de foliões.
A capital recebe, por ano, mais de 5,3 milhões turistas, de acordo com a Prefeitura da cidade. Neste ano, no entanto, o público pode ser ainda maior. Seis feriados emendados a finais de semana devem gerar um impacto econômico de R$ R$ 468 milhões. O destaque será o feriado de 12 de outubro, com a maior movimentação financeira (R$ 86,47 milhões) e de viagens (3,1 milhões) para o estado.
Recife também é marcada pela crença religiosa. A cidade é predominantemente católica, de acordo com o IBGE, mas lá está a mais antiga sinagoga das Américas, a Kahal Zur Israel, na rua do Bom Jesus, com grande quantidade de habitantes judeus.


Programação para o aniversário, dia 12/3

Praça do Artesanal, no bairro do Recife

17h – Maracatu de Baque Solto Piaba de Ouro
17h20 – Maracatu de Baque Virado Estrela Brilhante
17h40- Cavalo Marinho Boi Matuto do Mestre Salustiano
18h – Orquestra Majestade do Frevo + Passistas
18h30 – Bateria da Gigante do Samba
19h – Corte do Bolo
20h30 – Lenine


Fonte - Portal Brasil
Foto - Rafa Medeiros/Prefeitura do Recife

 
 

 

 Receitas Similares:


MAIS ACESSADAS
Lata do Leite Moça muda 16 vezes desde 1921
Burger King lança Rebel Whopper, seu novo lanche vegetariano
Sodiê dá desconto no bolo Gelado de Abacaxi em outubro
Entrevero no arado fica delicioso
Hoje é dia do pão de queijo, delícia a qualquer hora
18 de maio é o Dia Nacional da Coxinha. Veja receita desta delícia
Árvores frutíferas podem ser cultivadas até em apartamentos
Cuidado com as calorias do prato feito
Que tal uma coxinha com o osso da coxa do frango?
Kibon lança a linha Seleções Gelato em quatro sabores
Dia Mundial da Água, domingo (22/3), chama a atenção para uso consciente
Vinho também combina com chocolate. Veja dicas
Delicioso arroz de braga surgiu em Santos. Veja como fazer

SABOR DA CIDADE

Contato
Telefone (15) 9-9113-2823
Email: redacao@sabordacidade.com.br

  


icone
REDES SOCIAIS
FACEBOOK